E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Márcio Miranda é eleito pela terceira vez seguida presidente da Assembleia Legislativa do Pará

O deputado Márcio Miranda foi eleito presidente da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) pelo terceiro biênio consecutivo com os votos dos 32 deputados presentes. A eleição é histórica. Essa é a primeira vez que um parlamentar é eleito presidente do Poder Legislativo paraense por três mandatos consecutivos.

A eleição da Mesa Diretora da Alepa aconteceu na manhã desta terça-feira (06), no plenário Newton Miranda, sede do Parlamento paraense, em Belém, que tem ainda em sua composição os deputados Cilene Couto (1ª vice-presidente), Miro Sanova (2º vice-presidente), Cássio Andrade (1º secretário), Fernando Coimbra (2º secretário), Airton Faleiro (3º secretário) e Soldado Tércio (4º secretário), eleitos por 30 dos 32 deputados presentes.

“Para mim fica claro que o momento em que nós vivemos é um momento crítico na vida nacional envolvendo a classe política. A nossa união, o nosso trabalho em conjunto aqui no parlamento: debatendo, discutindo, divergindo, muitas vezes com enormes diferenças entre nós, diferenças que são salutares, diferenças que tornam o legislativo também um poder diferente e as diferenças não foram suficientes pra nós perdermos o rumo. A nossa união permitiu que o Parlamento do Pará - ao longo desses anos, com sugestões de vossas excelências, com o apoio dos senhores e senhoras deputadas – fizesse grandes transformações para que pudéssemos adequar esta Casa ao novo momento”, disse o presidente reeleito Márcio Miranda.A primeira vice-presidente eleita é a deputada Cilene Couto, destacou o trabalho consolidado na gestão do deputado Márcio Miranda e os desafios diante do atual cenário político nacional. “A palavra de ordem é gratidão, primeiramente ao presidente Márcio Miranda, que tem se dedicado diuturnamente ao empenho do poder Legislativo do Estado do Pará ao longo dessa gestão e junto com seus pares tem consolidado grandes conquistas, buscado o diálogo, a transparência de uma administração suprapartidária, responsável. E eu venho me somar nesse novo biênio com essa administração que só orgulha aos funcionários e aos deputados, mas, acima de tudo, também a sociedade, porque o presidente Márcio tem buscado, de forma persistente, a aproximação do poder Legislativo com a sociedade. É um novo desafio, nós sabemos que dentro do contexto nacional, hoje, a classe política vive uma falta de credibilidade e precisamos desmitificar isso, é preciso mostrar que existem bons políticos, bons trabalhos e é isso que o Legislativo do Pará vem fazendo e com este novo desafio, nós vamos procurar dar continuidade com esse trabalho consolidado já pelo nosso presidente Márcio Miranda”, afirmou Cilene.

Deputado de primeiro mandato, Miro Sanova destacou a importância de ocupar a cadeira de 2º vice-presidente da Alepa. “Fazer parte da Mesa Diretora representa muito como parlamentar e para o meu partido. Me sinto orgulhoso de fazer parte dessa gestão. Pretendo colaborar com o presidente Márcio Miranda e toda Mesa de forma que juntos possamos contribuir cada vez mais com a gestão séria e comprometida que o presidente vem realizando e que já marcou a história do Poder Legislativo Paraense. A reeleição do deputado Marcio Miranda é por merecimento. Se ele conseguiu é por seus próprios méritos, porque é um grande presidente. Ele valoriza o diálogo com todos os deputados de todos os partidos e coloca a Casa sempre à disposição da sociedade”, ressaltou o 2º vice-presidente eleito.

O cargo de 1º secretário passa a ser do deputado Cássio Andrade. Ele tem a função de gerir a Alepa. O parlamentar já adiantou que há novas ideias a serem debatidas para que a Alepa continue no mesmo rumo no corte de despesas da Casa. “Os cortes que fizemos no passado diminuíram os repasses para Alepa, mas aumentou, com isso, o repasse para o Ministério Público e para o Poder Judiciário, o que permitiu a contratação de novos promotores e juízes. A Alepa tem responsabilidade com o povo, isso não é só um discurso, é a prática também, tanto que hoje é uma das casas modelo na transparência das contas públicas, nos salários dos servidores. Mais de 90% de todo o processo licitatório é feito por meio de pregão eletrônico, que é um mecanismo muito transparente e muito seguro. Essa Casa já deu muitos sinais para a sociedade retirando mordomias que existiam aqui. Existia aqui os 14º, 15º e 16º salários, que era a chamada Ajuda Paletó, a Aposentadoria Especial, Convocação Extraordinária, Auxílio Moradia, todas extintas”, disse Cássio Andrade.

“O mundo altera rapidamente, as mudanças são muito rápidas, é necessário todo tempo a gente ficar atentos para se renovar, reciclar-se. Por isso, quero agradecer o apoio de todos e dizer que nós temos que continuar vigilantes, continuar unidos, mesmo com as diferenças políticas, partidárias, o Poder Legislativo tem que estar acima dos nossos próprios interesses. Ao defender e reforçar o Parlamento, estamos reforçando os nossos mandatos. O parlamento precisa estar indo ao encontro do que pensa a população. Fica um novo desafio para este momento que se apresenta a vida nacional, para os políticos em geral: que consigamos ficar em sintonia com as ruas, em sintonia com a sociedade, manter a união com os outros poderes, com independência, com respeito, mas também, procurarmos sempre o diálogo”, reiterou o presidente Márcio Miranda.