E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Com Gênesis, Sebastião Salgado visita lugares ainda intocados. Exposição vai virar livro.

Aos 69 anos, Sebastião Salgado, um dos maiores fotógrafos de todos os tempos, concluiu em fevereiro deste ano, um de seus projetos mais arrojados. Conhecido como Gênesis, o projeto  obrigou Salgado a cruzar desertos africanos, explorar a biodiversidade de ilhas como Galápagos e enfrentar temperaturas de até 40 graus negativos no Círculo Polar Ártico. 
Foram oito anos percorrendo as regiões mais remotas do planeta, na captura de imagens de lugares que se mantiveram longe da ação do homem e, por isso, exibem paisagens intactas, assim como comunidades que ainda vivem de maneira primitiva, sem qualquer tecnologia ou luxo da vida moderna. Os trajetos foram feitos a bordo de barcos, aviões pequenos e até a pé. A experiência resultou na exposição que estreou no Museu de História Nacional de Londres, em abril. "Há muitos anos queremos fazer algo com foco na preservação do planeta", disse à BBC, Lélia Wanick Salgado, mulher do fotógrafo e curadora da mostra, que soma 245 imagens, selecionadas entre milhares, e que já está rodando o mundo.
No Brasil, as fotos podem ser vistas no Rio de Janeiro até 26 de agosto, no Museu do Meio Ambiente do Jardim Botânico. Depois, elas seguem para São Paulo, onde serão exibidas no Sesc Belenzinho a partir do dia 4 de setembro. A mostra ainda visita Porto Alegre, Belo Horizonte e Vitória.
Quem não puder conferir ao vivo as imagens de Salgado, não precisa se desesperar. O Gênesis inclui um livro com mais de 500 páginas, editado pela alemã Taschen Books, com versão especial para colecionadores. 
As expedições também renderam as cenas e entrevistas do longa-metragem Sombra e Luz, documentário sobre o fotógrafo dirigido pelo filho dele, Juliano Salgado, e pelo cineasta Wim Wenders.
A fotografia de ambientes naturais e de animais não é comum no trabalho de Sebastião Salgado. O brasileiro é famoso por retratar pessoas em condições extremas, como fez em Trabalhadores e Êxodos. Mas, Salgado mantém há anos relação estreita com os chamados temas ecológicos. Há 15 anos ele e a mulher fundaram o Instituto Terra, na cidade mineira de Aimorés, para promover o desenvolvimento sustentável da região do Vale do Rio Doce. 

Atenção, Maestros! OFG promove workshop de regência em Goiânia

No período de 08 a 10 de outubro, acontece o II Workshop de Regência Orquestral da Orquestra Filarmônica de Goiás, com aulas ministradas pelo maestro britânico Neil Thomson.
Maestros brasileiros com experiência comprovada na área poderão concorrer à oportunidade de conduzir a Orquestra. As inscrições vão do dia 20 de agosto a 20 de setembro.
O edital completo, formulário e demais informações já se encontram disponíveis no link abaixo: http://ofgoias.wordpress.com/ (com informações da Assessoria de Comunicação da OFG) 

domingo, 18 de agosto de 2013

Face lança versão beta para Android com melhorias e stickers animados

O Facebook apresentou recentemente um programa beta para usuários de smartphones com sistema Android que queiram obter as compilações mais atualizadas da rede social para seus dispositivos e dias atrás a companhia lançou uma nova versão do aplicativo que traz algumas novas funcionalidades e diversas correções.
Alguns adesivos nas mensagens agora são animados – Pusheen, Beast e Anooki podem balançar, dançar e mexer (disponível para Android 4.0.2 ou superior). Já o Facebook Home ganhou controles de música diretamente na tela de bloqueio, entre outras traquitanas.
O Facebook Home estava exibindo uma capa de álbum musical ao invés da foto que você acabou de tirar, mas este defeito foi corrigido.
Além disso, o aplicativo não deve mais apresentar problemas quando exibir fotos em tela cheia e diversos bugs foram corrigidos, bem como melhoraram velocidade e desempenho do aplicativo
Você pode clicar aqui caso tenha interesse em tornar-se um usuário de testes do Facebook.

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Jatene em Marabá erra na política e no repertório

Então, Jateme esteve em Marabá!
Para quem conhece o governador tucano, não foi novidade a postura. Segundo soube, Jatene, este dublê de cantor, parafraseou Caetano e citou "Sampa", aquela do Narciso que "acha feio o que não é espelho".
Para variar, Jatene errou feio.
O discurso de Jatene esteve mais para "Gota d'água", de Chico. Afinal, o coração do tucano "é um pote até aqui de mágoa".
Sempre disse que Jatene faz política com o fígado. Nada mudou.
No Plebiscito para criação do Estado do Carajás, Jatene foi sovado. A tropa a favor de Carajás, liderada por João Salame, Giovanni Queiroz e tantos outros, aplicou-lhe uma surra desmoralizante. Nada menos que 92% dos eleitores da região disseram SIM à criação do novo Estado.
Perdemos eleitoralmente, por óbvio, uma vez que a campanha difamatória patrocinada pela turma do NÃO tinha a seu favor um colégio eleitoral duas vezes maior.
Claro, cometemos erros. Não conseguimos focar a campanha em Belém e talvez tenhamos exagerado ao incluir áreas vastas demais no mapa do Carajás.
Mesmo assim, saímos da campanha vitoriosos politicamente.
Um ano depois, em 2012, Jatene considerava como favas contadas a vitória de um seu correligionário - Tião Miranda - em Marabá.
Não contava que a omissão de Tião lhe cobraria um preço altíssimo. Chegou a mandar seu marqueteiro de estimação para dar rumo à desmazelada campanha de Tião. Não funcionou.
João Salame mostrou que poder político e recursos financeiros elevados são importantes, mas não determinantes na disputa eleitoral.
Fundamental mesmo na política, ora pois, é saber fazer política e ter coerência.
Jatene, duplamente derrotado em Marabá, encheu-se de mágoa.
A partir daí o que se vê é uma espécie de "cerco" à Marabá.
Ontem (12), Jatene recitou números que sua assessoria lhe forneceu.
Falou dos investimentos da Cosanpa. Os tais R$ 300 milhões, ele esqueceu de dizer, foram contratados ainda no governo de Ana Júlia e, no governo tucano, a obra passou a arrastar-se à passo de cágados.
As obras da Cosanpa, executadas sem planejamento, deixam esburacadas as ruas da cidade e o remendo feito é de péssima qualidade.
Mas, a coisa fica ainda pior.
O contingente de policiais militares e civis em Marabá é o mesmo dos últimos 8 anos! Enquanto isso, a população mais que dobrou!
Há anos - muitos anos - o Governo do Pará não constrói uma única escola em Marabá.
O colégio Anísio Teixeira, única obra do governo tucano em execução na cidade, só deverá ser entregue em dezembro. Enquanto isso, as escolas do município servem para atender à demanda do ensino médio que Jatene não dá conta. Pior: os alunos da rede municipal ficam sem espaço para atividades importantes como o programa Mais Educação.
A ampliação de leitos do Hospital Regional chega a ser um acinte. A demanda que temos em Marabá e região exige pelo menos dois novos hospitais de média e alta complexidade - um em Parauapebas e outro em Marabá.
Este é o retrato do governo Jatene, um governo que fez despencar o IDH do Pará e que nos obriga a ser a vergonha da Nação, ocupando o penúltimo lugar entre as 27 unidades da Federação!
Mas, se Jatene veio falar do que NÃO fez, Saleme tratou de mostrar O QUE SE EXIGE QUE JATENE FAÇA.
Salame mostrou que são necessárias, no mínimo, quatro escolas, entre elas uma de qualificação técnica, a regularização fundiária das áreas do Iterpa, R$ 50 milhões para asfalto, regularização e ampliação dos repasses ao HMM e ao HMI, entre outras coisas.
O atendimento dessas reivindicações resolveria nossos problemas? Claro que não! Mas, seria o mínimo que um governador justo e correto deveria fazer para merecer, senão o voto, pelo menos o respeito de seu povo. Infelizmente, existe pouca esperança que sequer este mínimo seja feito por Jatene.
O resto é, para seguir citando o cancioneiro popular, como dizia Pinduca, "só lari-lari" de um governo que se mantém de costa para a região mais promissora do Pará.
Como as eleições estão chegando, a expectativa é que ao final do ano que vem, possamos ouvir Jatene cantar "adeus amor, já vou partir..."

FAP 2013 lança concurso de poesia e desenho

Crianças, jovens e adolescentes terão uma ótima oportunidade para dar vazão à criatividade sob a forma de poesia e desenhos. Através da parceria entre o Sindicato dos Produtores Rurais- SIPRODUZ e Secretaria Municipal de Educação- SEMED, foi realizado nesta segunda-feira (12), as 15h, no Auditório I da Prefeitura de Parauapebas, o lançamento do Concurso de Poemas e Desenhos para alunos de 1ª a 8ª séries e alunos do Ensino de Jovens e Adultos- EJA da rede pública de ensino. Haverá premiação em dinheiro para o aluno, professor e escola vencedora.  
O SIPRODUZ conta todos os anos com o apoio irrestrito da SEMED como também com a parceria de empresas como a Vale, Auto Posto R&M Filhos Construferro, Tock Bolsas, Revemar Motorcenter, Unisa Digital, Jardins Material para Construção, AX Seguros, Mister Pão, Grife da Carne e Grupo NS Ribeiro.
Os trabalhos deverão explorar o tema oficial da FAP 2013, “União Força e Trabalho: O Agronegócio Unindo Forças Para Gerar Desenvolvimento”. (Com informações da ABCOM)

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

DNIT autoriza asfaltamento de 849 km da Transamazônica, mas Funai embarga obra

O deputado federal Zé Geraldo (PT), anunciou hoje (12) que, depois de anos de marchas e contramarchas, finalmente saiu a licença para o asfaltamento da Transamazônica desde a divisa do Pará com Tocantins até Rurópolis. Serão mais 840 km de asfalto. Uma obra, sem dúvida, que paga uma dívida histórica da União com as centenas de comunidades que vivem abandonadas às margens da rodovia.
Coisa para realmente comemorar.
Pena que sempre existam contratempos, quando o assunto é asfalto na Transamazônica.
Desta vez, foi a Funai que resolveu botar areia na paçoca.
Dois subtrechos que cortam terras indígenas foram temporariamente suspensos.
As obras serão paralisadas ou não poderão começar entre os quilômetros 232 e 310 próximo à cidade de Novo Repartimento e entre os quilômetros 728 e 851 entre Medicilândia e Rurópolis. A decisão da Funai em manter estes dois trechos contingenciados se baseiam nas condicionantes que se referem ás terras dos Parakanã e Arará.
Em seu perfil no Facebook, Zé Geraldo comemorou o licenciamento, mas expressou sua preocupação com o atraso causado pela postura da Funai. "Com esta decisão, as duas frentes de trabalho já instaladas próximas à Novo Repartimento e Medicilândia não poderão dar continuidade ao asfaltamento até chegar em Itupiranga e Uruará, respectivamente, o que atrasará em muito as obras como um todo se não conseguirmos reverter o mais rápido possível este bloqueio", disse Zé Geraldo.
O deputado pediu, ainda, a mobilização de todos para forçar a revisão da decisão. "Precisamos e estamos desde já em intensa negociação com a Funai, o DNIT e a Coordenação do PAC das Estradas da Secretaria do Programa de Aceleração do Crescimento do Ministério do Planejamento para que sejam imediatamente liberados partes destes dois trechos contingenciados nas proximidades dos canteiros de obras já existentes para que possamos aproveitar todo o período sem chuvas na região para avançar o máximo com o asfaltamento da estrada. Desta mesma forma, conclamo para que todos os moradores da região se envolvam e lutem, como já venho fazendo em Brasília, para que haja um acordo entre o DNIT e a Funai para a liberação de pelo menos mais alguns subtrechos dos dois trechos em questão", disse Zé Geraldo.

sábado, 10 de agosto de 2013

PT Pra Valer pode apresentar hoje seu (ou sua) candidato (a) à presidência do PT em Marabá

Na tarde deste sábado (10), o PT Pra Valer, coletivo interno do PT com ampla representatividade na região sul e sudeste do Pará, deve apontar o nome que apresentará, para concorrer à presidência municipal do partido em Marabá, nas eleições de novembro deste ano e este nome pode ser o da deputada estadual Bernadete ten Catten, tendo Tião Branco como vice.
Depois que representantes de outras tendências, como Marcelo Alves e Toinha do PT, anunciaram que pretendem disputar a direção do partido, o PT Pra Valer viu ameaçada sua longa hegemonia à frente da legenda em Marabá e agora, corre contra o tempo para apresentar um nome competitivo.

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Fraude no “Minha Casa Minha Vida” em Marabá. “Denuncie”, pede Bia Cardoso.

Depois de uma enxurrada de denúncias, a primeira dama do município, que responde pela Secretaria de Assistência e Promoção Social – Seasp, Bia Cardoso Salame, recebeu a imprensa para uma coletiva na noite desta quarta-feira (8), para falar sobre as tentativas de fraude que vem sofrendo o “Minha Casa Minha Vida”, programa coordenado pela Seasp, com liberação de recursos por parte da Caixa Econômica Federal.

Turma do Jatene vem ao Carajás para discutir PPA Estadual e leva "sacola" de demandas

A turma do Governo do Pará esteve em Marabá na tarde desta quinta-feira (8). O objetivo ostensivo era reavaliar o Plano Plurianual Estadual e recolher sugestões para o Orçamento do Estado para 2014. Além disso, a delegação jatenista, chefiada por Sidney Rosa, um dos super-secretários de Jatene  - considerado por muitos como a primeira alternativa tucana caso o Califa de Belém decida desistir da recandidatura - queria mesmo sondar o ambiente político e testar a temperatura da água na região.
No que diz respeito ao primeiro objetivo, a delegação deixou Marabá com a sacola cheia de demandas. De acordo com um tucanos bem-humorado, correram o risco de pagar excesso de bagagem na volta para Belém.
É que com aquele linguajar cheio de cerimônia e rapapés, as autoridades locais disseram ao Governo do Pará que será preciso parar com o lenga-lenga e realizar investimentos efetivos em educação, legalização fundiária, saúde, educação e segurança pública, isso para ficar apenas nos mais urgentes e emergentes.
Só Beto Salame, secretário de Planejamento de Marabá e representante do prefeito João Salame na solenidade, apresentou quatro propostas. O secretário pleiteou a definição de quatro áreas para a construção de escolas estaduais – sendo uma escola de ensino técnico profissionalizante. Além disso, Beto quer a construção de um prédio para a 4ª Unidade Regional de Educação (4ª URE), a normalização do repasse da ajuda de custo para o Hospital Materno Infantil (HMI) e a construção do Instituto Médico Legal (IML) em local adequado.

Ministério da Cultura lança programa Amazônia Cultural

Com o objetivo de impulsionar ações culturais na Região Norte foi lançado o Programa Amazônia Cultural. O edital de seleção pública divulgado na quinta-feira (1º), em Boa Vista, Roraima, pela ministra da Cultura, Marta Suplicy, é destinado exclusivamente a produtores, artistas, técnicos, agentes e estudiosos culturais que residam na região. O evento ocorreu na abertura da II Conferência Municipal de Boa Vista e contou com a presença do secretário de Fomento e Incentivo à Cultura, Henilton Menezes e do chefe da Representação Norte do MinC, Delson Cruz.
Com recursos do Fundo Nacional da Cultura, os investimentos em projetos que estimulem, capacitem e difundam ações da cultura brasileira na região norte chegam a R$5 milhões. O apoio financeiro por projeto varia de R$80 a R$120 mil, de acordo com os eixos definidos abaixo.
A ministra Marta Suplicy ressaltou a importância de levar os resultados da discussão para Brasília. "Isso é fundamental para que a gente (Ministério da Cultura) saiba o que é importante para Roraima e como podemos ajudar".

Cartaz do Círio de Marabá 2013 será divulgado hoje em Marabá

Acontece nesta sexta-feira (9), o lançamento do cartaz do 33º Círio de Nossa Senhora de Nazaré, em Marabá. A solenidade será no Santuário Nossa Senhora de Nazaré, na Folha 16, Nova Marabá, a partir das 21h.
O Círio de Marabá, apesar de ser relativamente "jovem", demonstra vigor em relação às festas que honram Nossa Senhora Brasil afora. A manifestação de fé dos marabaenses aumenta a cada ano, reforçando a devoção mariana na região.
O Círio de Marabá acontece sempre no terceiro domingo de outubro quando, em Belém, vai ao meio a quadra nazarena. Mesmo assim, são muitos os peregrinos que vêm a Marabá para participar desta manifestação de fé que homenageia a Padroeira da Amazônia.    

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Segundo COSANPA, a CELPA seria responsável pela falta d'água em Marabá

Na tarde desta quinta-feira (8), postei no blog uma dura crítica à Cosanpa em função da falta d'água nas torneiras de grande parte da cidade de Marabá.
Mas, desta vez a Cosanpa era parcialmente inocente.
A responsável pela pane, na verdade, é a CELPA.
Segundo fui informado, um transformador que alimenta com energia elétrica as bombas que fazem a captação da água dos rios, queimou e os técnicos da CELPA não conseguiram reparar o dano.
Ontem, após a primeira tentativa de religamento, o transformador não resistiu. Hoje, apenas uma bomba estaria funcionando e a água está voltando aos poucos em algumas áreas da Nova Marabá.
Técnicos da Cosanpa estariam sido trazidos de Belém para juntar-se aos técnicos da Celpa na tentativa de restabelecer o fornecimento.
Mas, nada está claro, justamente, porque CELPA e Cosanpa não conseguiram produzir uma nota oficial informando com precisão o que acontece.
É lastimável que isso ainda aconteça.
Acidentes envolvendo a CELPA, COSANPA e seus equipamentos sucateados, presumo, serão recorrentes até que investimentos de verdade sejam feitos em todo o Pará, e na região de Carajás, em especial.
Mas, o silêncio das empresas responsáveis é inaceitável. Além de faltar água, faltam informação e respeito aos consumidores.

Caixa aprova proposta metodológica para Programa de Habitação de Interesse Social de Marabá

Nesta sexta-feira (9), a partir das 9h da manhã acontece, no auditório da SDU, em Marabá, reunião do Conselho Municipal de Habitação de Interesse Social. Os conselheiros serão informados que a Caixa Econômica Federal aprovou a proposta metodológica do Plano Local de Habitação de Interesse Social de Marabá (PLHIS/Marabá).
O PLHIS é documento considerado essencial para habilitar o município nos programas de habitação do Governo Federal e a aprovação da Proposta Metodológica é a primeira das três etapa de elaboração do PLHIS. A proposta de Marabá foi aprovada pelo Conselho Municipal de Habitação e Interesse Social (CMHIS) e pela Caixa Econômica Federal, sem nenhuma restrição, com nota 10,0.
Ao assumir, o prefeito João Salame foi informado que a gestão anterior não apresentou no prazo estipulado - final de 2012 - o PLHIS. Com isso, Marabá ficaria de fora de todos os programas habitacionais do Governo Federal. Um prejuízo incalculável.
João tratou de sanar o problema, nomeando uma comissão multissetorial liderada pelo superintendente Gilson Dias, da SDU. Agregando profissionais tarimbados de diversas secretarias, Dias conseguiu, em menos de oito meses, fazer o que a gestão anterior não deu conta de fazer em quatro anos.
Com a proposta metodológica aprovada, o próximo passo é realizar um amplo diagnóstico da ocupação do solo urbano em Marabá para, então, propor uma política habitacional decente para a cidade. Além disso, o PLHIS deve integrar o Plano Diretor de Marabá, considerar o Plano Plurianual 2014/2017 nas suas políticas intersetoriais e demais diretrizes de planejamento existentes.

Filarmônica participa do I Festival Internacional de Música em Goiás com "Tributo a Wagner". Imperdível!

De 14 a 16 de agosto em Goiânia e nos dias 17 e 18 em Pirenópolis, acontece o 1º Festival Internacional de Música em Goiás (Figo), promovido pela Secult/GO. Nada menos que 24 grandes atrações foram escolhidas para a edição de estreia do evento, sendo 9 de Goiás.
Curiosamente, o evento será uma espécie de miscelânea com atrações que vão da música erudita ao jazz e blues, com espaço até para a música regional.
Sem dúvida é uma aposta arriscada.
Caso não seja bem coordenado, o festival corre o risco de nascer sem uma identidade musical definida. Vamos torcer, então, para que tudo tenha sido bem pensado e que o Figo tenha vida longa. Todos sabemos a carência de grandes eventos como este no Brasil e, principalmente, fora do eixo Rio-São Paulo.
Por outro lado, percebo que a coordenação do festival teve a lucidez de incluir a música de concerto na programação. A Orquestra Filarmônica de Goiás - OFG apresenta-se sob a regência de Carlos Moreno, com "Tributo a Wagner", um programa imperdível. O concerto acontece na quinta (15), 20h30, no Teatro Goiânia.
A OFG parece ter renascido nesta temporada. Renovou sua formação com a contratação de novos - e ótimos - concertistas, além de haver acertado em cheio tanto no repertório - diversificado e estimulante - quanto na proposta de interiorizar suas apresentações, levando a música de concerto para cidades mais afastadas de Goiânia. Oportuniza, assim, que inúmeras pessoas tenham o primeiro contato com a boa música, além de formar plateia e estimular crianças e jovens a buscarem formação musical.
A OFG presta, sem dúvida, um belo serviço à música de concerto e com certeza será um dos grandes destaques do Figo.
Confira abaixo a programação completa do festival e na imagem acima as datas e locais dos próximos concertos da OFG:

Alô, COSANPA! Água nas torneiras, tem como?


A situação não anda fácil em Marabá.
Não tenha um poço em casa e você vai viver a triste rotina da falta d'água.
A "adorável" COSANPA anda judiando demais dos consumidores de Marabá.
Converse com um executivo da companhia e você só vai ouvir falar em "milhões de reais em investimentos" pra cá e pra lá, mas, água nas torneiras, que é bom, nem pensar!
Hoje, as folhas 18, 16, 21, 20 e 28 estão sem água e, para piorar, a COSANPA não informa sequer a previsão para resolver o problema.
Interrupção no fornecimento e descaso com a população, infelizmente, não são novidades quando se fala em COSANPA.
É bom ficar de olho.
Esta mesma empresa pleiteia renovar seu contrato com a Prefeitura de Marabá para continuar oferecendo seus (des)serviços aos marabaenses.

Depois de mais uma morte, DMTU interdita acesso de veículos no "Semáforo da Morte" em Marabá


A incompetência governamental costuma cobrar um preço alto. Muitas vezes, este preço é pago com vidas. A gestão anterior em Marabá permitiu que uma obra de grande envergadura como a duplicação da Transamazônica, que deveria ser um alívio para o trânsito caótico da cidade, acabasse se transformando em fonte interminável de problemas.
As marginais são estreitas demais e - pasmem! - são vias de mão dupla!
Retornos foram colocados em locais com declive acentuado. O coitado do motorista que tenta fazer o retorno não tem qualquer visibilidade em relação aos veículos que vêm pela reodovia. 
A obra foi entregue sem NENHUMA ILUMINAÇÃO, tornando duplamente perigoso trafegar à noite pelo local.
Ou seja, uma obra com um rosário de erros.
Para completar, a Folha 33 foi literalmente isolada com a retirada do projeto de um viaduto previsto para garantir acesso dos moradores à Folha 32.
Como remendo, criou-se um acesso com semáforo e são tantos e tão graves os acidentes que já foi batizado de “Semáforo da Morte”.
Depois de mais um acidente com vítima fatal no cruzamento maldito moradores e autoridades se reuniram nesta quarta-feira (7) para tentar encontrar uma forma de interromper a sequência de acidentes no local e a partir da reunião realizada com representantes da Associação de Moradores da Folha 33, Emmett Alexandre, diretor do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (DMTU), determinou a interdição, a partir desta quinta-feira (8), do acesso que permitia a travessia de veículos entre aquela Folha e o Terminal Rodoviário. A área é considerada crítica pelo DMTU.

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Operação conjunta DMTU-Procon/Marabá flagra "melhor" ônibus que fazia linha Marabá-Itainópolis


O PROCON/Marabá vem realizando um trabalho intenso de fiscalização. Na maioria das vezes, a ação do órgão é educativa, oferecendo aos flagrados cometendo infrações a oportunidade de adequar-se às normas. Mas, há casos em que a ação educativa precisa dar lugar à coerção. Isso aconteceu nesta quarta-feira (7), na Rodoviária Miguel Pernambuco.
Ônibus, micro-ônibus, vans, táxis e moto-táxis passaram por um pente fino durante a operação conjunta realizada em parceria com o DMTU.
O resultado: um festival de irregularidades e vários autos de infração lavrados. O caso mais alarmante foi o de um ônibus que fazia linha Marabá-Itainópolis. Sem cinto de segurança, sem documentos e o extintor de incêndio parecia ter vindo diretamente de algum veículo da Segunda Guerra Mundial. Um perigo incalculável.
O incrível foi ouvir do motorista que este é "o melhor" coletivo que roda para aquela vila. Dá para imaginar como estão os piores?
Fiscais do Procon e os agentes do DMTU tiveram que recolher a lata velha e multar o condutor. Veja algumas fotos da ação do Procon e DMTU.

DMTU proíbe carros e motos na área de banhistas na praia do Geladinho

Depois de muita reclamação, acertadamente o DMTU, órgão responsável pelo trânsito de Marabá, resolveu endurecer de vez em relação aos motoristas que insistem em entrar com seus veículos na praia do Geladinho.
Não satisfeitos em ocupar os estacionamentos no entorno do balneário, alguns resolvem circular com motos e carros por entre os banhistas. O risco de acidente, claro, é enorme.
Para que ninguém alegue ignorância, o diretor do DMTU, capitão Emmett Mouton baixou portaria desde o dia 6 deste mês estabelecendo a restrição de acesso e estacionamento de veículos na praia, nos dias 10,11, 17, 18, 24, 25 e 31 do mês de agosto, e dia 1º do mês de setembro, nos horários de 08h a 18h.
“Está é mais uma medida que estamos tomando com a intenção de oferecer mais tranquilidade e segurança aos veranistas que frequentam a praia”, disse Emmett.
A medida vem em boa hora. Considerando que carro e bebida - e quem vai à praia sempre toma um gole a mais - não devem se misturar, acrescentar banhistas a essa mistura torna realmente a coisa potencialmente ainda mais perigosa.
Segue a íntegra da Portaria.

Divulgado clip oficial da FAP 2013. Curta aqui.

Já circula nas redes sociais da internet o clip oficial da FAP 2013, feira de agronegócio que acontece em Parauapebas e é considerada uma das maiores e mais importantes de todo o norte do País.
Desde o início, quando ainda se chamava Feira da Amizade - depois passaria a ser Facipa - até o atual formato, com ares de super produção, à altura da grandeza e importância de Parauapebas, foi um longo e vitorioso caminho.
Tive o prazer de presenciar o crescimento deste evento ano após ano e é muito bom saber que não faltam profissionais competentes para produzir e empreendedores arrojados para financiar esta festa bonita que gera emprego, renda e publicidade para o Pebinha de Açúcar, essa joia de Carajás .
Curtam aí o clip, de muito bom gosto por sinal.

Marabá recupera mais de 750 km de estradas na zona rural em sete meses


A Secretaria de Obras de Marabá divulgou ontem (6) seu relatório de atividades realizadas na zona rural entre janeiro e julho deste ano. Os números impressionam e devem ter deixado satisfeito o prefeito João Salame.
Nada menos que 752 km de estradas foram recuperadas em 36 das 45 localidades rurais do município.
As ações da Sevop garantiram, por exemplo, que mesmo durante o inverno, nenhuma estrada ficasse completamente intransitável. Um fato que chega a ser histórico.
Foram colocadas ainda 710 manilhas, utilizadas na construção de bueiros que canalizam as águas pluviais e de diversos córregos que cortam a área rural de Marabá.
Além disso, 31 pontes e pontilhões foram recuperados e 43 áreas com atoleiros foram aterradas.
O destaque fica por conta da recuperação e manutenção da estrada de acesso à Vila União, na região do Rio Preto. Antes intransitável, a estrada que liga vilas importantes como Santa Fé, Três Poderes, Quatro Bocas à Vila União recebeu raspagem e compactação.
As operações da Sevop estão chegando, pela primeira vez em muitos anos, em algumas localidades. É o caso da Vila Sarandi que, em treze anos de existência, jamais havia recebido qualquer benfeitoria. Em julho, além das vicinais recuperadas, os moradores puderam ver máquinas abrindo ruas e recolhendo lixo e entulho na vila.
Está de parabéns a equipe da Sevop, comandada pelo secretário Antônio Pádua e coordenada por Tiago Koch. Que continuem assim.
Aos poucos, Salame vai provando que, mesmo com poucos recursos, mas com muita disposição e bom planejamento é possível melhorar a vida dos pagadores de impostos.

Belém sedia encontro sobre segurança nacional. Defesa da Amazônia é tema central

Belém sedia desde o último domingo (4), o VII Encontro Nacional da Associação Brasileira de Estudos da Defesa (Enabed), no Hotel Crowne Plaza. É a primeira vez que este evento ocorre na Amazônia e reunirá, até amanhã (8), diversos pesquisadores brasileiros e internacionais para discutir temas, como segurança nacional e internacional, organização e funcionamento de aparelhos militares, relação entre forças armadas e sociedade, entre outros.
O evento é uma promoção da Associação Brasileira de Estudos de Defesa (ABED), do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos (NAEA) e da Universidade Federal do Pará, e tem a finalidade de ampliar o debate do panorama contemporâneo de segurança e defesa, em níveis internacional, regional e interno, bem como refletir e compreender o cenário atual, destacando tendências teóricas, metodológicas e práticas ligadas ao tema. A programação contemplará amplamente o assunto por meio de conferências, palestras, mesas-redondas, fóruns acadêmicos, simpósios e minicursos.
Nesta edição do Enabed, o tema central é a defesa da Amazônia. A escolha foi motivada pelo fato de a região ser prioridade estratégica do governo brasileiro, pelos próximos 20 anos, no que diz respeito à segurança e defesa nacionais. Com o novo patamar de poder alcançado pelo Brasil no cenário internacional, nos últimos anos, exige-se, cada vez mais, a elaboração de estratégias eficientes, a fim de tornar a Amazônia menos suscetível às motivações geopolíticas e bélicas de atores estatais e não estatais interessados em compartilhar sua soberania.
ABED – Fundada em 2005, a Associação Brasileira de Estudos de Defesa é uma entidade cuja finalidade é promover os Estudos da Defesa à condição de área de conhecimento científico institucionalmente reconhecido. Nasceu da necessidade de o Estado brasileiro promover estudos criteriosos que possam subsidiar as políticas públicas de Defesa em seus mais diversos aspectos e atualmente conta com, aproximadamente, 300 associados das áreas de Ciências Políticas, Relações Internacionais, História e Estudos Estratégicos. (Com informações da Ascom/UFPa)

Depois de boatos sobre publicidade em vídeo no Face, AOL compra plataforma da Adapt.tv

Ao que tudo indica, os usuários do Facebook terão publicidade em vídeo nas suas linhas de tempo. A AOL informou nesta quarta-feira (7), que fechou acordo para comprar a plataforma de publicidade em vídeos Adap.tv por 405 milhões de dólares em uma operação envolvendo dinheiro e ações. A Adapt.tv desenvolveu um sistema unificado, através de plataforma programática que fornece a compradores e vendedores ferramentas automatizadas para planejar, comprar e medir audiência e impacto de campanhas através de TV linear e vídeo online. 
O anúncio acontece poucos dias depois da Bloomberg, citando uma fonte anônima, ter afirmado que o Facebook pretende adicionar anúncios em vídeo que deverão passar a ser incluídos diretamente no mural dos utilizadores.
Cada vídeo deverá aparecer no Facebook durante um dia inteiro, apesar de os utilizadores não verem mais de três vezes ao dia o mesmo. Os anunciantes terão de pagar entre um milhão e 2,5 milhões de dólares por dia pelo privilégio de poder exibir vídeos de 15 segundos. Os anunciantes podem saber apenas a idade e sexo da sua audiência. A Bloomberg diz que o lançamento desta nova funcionalidade foi adiada pelo menos duas vezes, porque Mark Zuckerberg quis certificar-se de que os vídeos não “estragariam” a experiência do utilizador.
Vale lembrar que, em 2012, depois de comprar a AOL, a Microsoft revendeu grande parte das patentes ao Facebook e selou a parceria entre as duas empresas.
A AOL também informou receita mais alta por conta de ganhos gerados com publicidade. A AOL divulgou que a receita do segundo trimestre subiu quase 1 por cento, para 541,3 milhões de dólares ante expectativa média do mercado de faturamento de 539,6 milhões, segundo pesquisa da Thomson Reuters I/B/E/S.
O lucro líquido do segundo trimestre da companhia caiu para 28,5 milhões de dólares, ou 0,35 dólar por ação, ante resultado positivo um ano antes de 970,8 milhões, ou 10,17 dólares por papel.
O lucro no mesmo período do ano passado havia sido impulsionado pela venda de um grupo de patentes para a Microsoft por mais de 1 bilhão de dólares.

Tribunal de Justiça do Pará terá que nomear ao desembargo candidato com melhor avaliação, diz CNJ

O Tribunal de Justiça do Pará (TJPA) terá que nomear para o cargo de desembargador o candidato da lista tríplice que obteve a melhor avaliação. A decisão foi tomada por maioria de votos na Sessão Ordinária do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), realizada na tarde desta terça-feira (6). A determinação foi proferida no julgamento do Procedimento de Controle Administrativo (PCA) 0001691-25.2013.2.00.0000, relatado pelo conselheiro José Guilherme Vasi Werner.
O PCA foi requerido pela juíza Maria Filomena de Almeida Buarque para anular a votação realizada pelo Pleno do TJPA no dia 3 de abril último. Na ocasião, a corte promoveu a magistrada Odete da Silva Carvalho ao cargo de desembargadora, pelo critério de merecimento. A magistrada, no entanto, figurava em último lugar na lista tríplice destinada à escolha do novo desembargador da corte paraense.
O relator do processo votou pela anulação da decisão do Pleno do TJPA e pela promoção de Maria Filomena, mas um pedido de vista do conselheiro Guilherme Calmon suspendeu o julgamento iniciado na sessão anterior, do dia 11 de junho. Na apresentação de seu voto-vista, Calmon divergiu de Vasi Werner. Para o conselheiro, não caberia ao CNJ definir qual dos três magistrados na lista deveria ser promovido.
“Segundo o voto do relator, o tribunal não poderia escolher um dentre os três nomes da lista, pois ela estava vinculada ao magistrado com maior pontuação. A denominada lista tríplice, portanto, seria empregada apenas em atendimento a previsão Constitucional. Mas na prática não existiria. O voto do conselheiro Guilherme Calmon, por sua vez, é diferente: vai no sentido de que o tribunal é soberano para escolher quem quiser, desde que os três magistrados com melhor pontuação integrassem a lista tríplice”, afirmou a conselheira Cristina Peduzzi , que decidiu acompanhar a divergência.
Também acompanharam o voto divergente o presidente do CNJ, ministro Joaquim Barbosa, o Corregedor Nacional de Justiça, ministro Francisco Falcão, e o conselheiro Wellington Saraiva. Mas, por maioria de votos, prevaleceu o voto de Vasi Werner. “O Tribunal de Justiça do Pará não motivou a razão pela qual a candidata havia sido preterida. Foi, simplesmente, uma escolha de caráter personalista que excluiu a candidata mais pontuada”, justificou o relator o seu voto.

Conselho Nacional de Educação começa a discutir programa Mais Médicos

Acontece hoje (7), a primeira reunião da comissão do Conselho Nacional de Educação (CNE) criada para reformular o curso de medicina. De acordo com a Medida Provisória (MP) 621/2013, que institui o Programa Mais Médicos, o conselho tem seis meses para definir novas diretrizes para o curso. Também será discutida a prestação de dois anos de trabalho no Sistema Único de Saúde (SUS), proposta que deixou iradas os médicos e que foi reformulada pelo governo.
Formada nessa terça-feira (6), a comissão é composta por seis conselheiros. O grupo é presidido por Gilberto Gonçalves Garcia, que é também presidente da Câmara de Educação Superior do CNE. O relator é o conselheiro Arthur Roquete de Macedo. Eles vão promover audiências públicas para envolver nos debates quem atua no setor. Um calendário de atividades deve ser definido nesta semana.
O grupo terá o papel de definir os grandes eixos de competências e habilidades que o aluno egresso do curso de medicina deverá ter. Além disso, com a proposta apresentada pelo governo de obrigatoriedade da residência médica no SUS a partir de 2018, o CNE pode criar um marco regulatório para orientar essa residência, o que não existe hoje.
Segundo o conselheiro José Fernandes de Lima, que participou da reunião desta terça-feira - mas não faz parte da comissão formada para discutir o programa - como existe a possibilidade de que o Congresso Nacional faça alterações na MP, o CNE vai discutir primeiramente as diretrizes atuais.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Liga Esportiva de Marabá prepara bingo show com Marciano

A LEMAR - Liga Esportiva Marabaense, tendo na presidência o meu migo João Salvador Gomes Mota, vai promover dia 12 de outubro o seu bingo show. O objetivo do evento é arrecadar dinheiro para comprar um ônibus que servirá aos clubes associados à Liga.
Entre os prêmios, um gol 0km e uma moto.
Como atração musical, nada menos que Marciano, que formava dupla com João Mineiro, falecido em março de 2012.
A cartela vai custar R$ 250,00 e servirá como ingresso para o show.
Uma das mais tradicionais ligas de futebol amador do Pará, a Lemar andou patinando algumas vezes por conta de pequenas divergências entre as agremiações. Isso parece ter sido superado. Salvador, com tato e jeito, vem estabelecendo um clima de harmonia até certo ponto surpreendente para quem conhece o mundo dos boleiros.
A Lemar conta com o apoio de João Salame, que além de um convênio no valor de R$ 250 mil, está reformando os campos da cidade. Cinco deles já estão sendo urbanizados e vão ter gramado adequado, vestiário, alambrado e iluminação. O compromisso de João é entregar dez desses campos até o final do mandato.
Aqueles que entendem o valor do esporte afirmam que a cada real investido no desporto, são economizados seis reais em segurança pública. O retorno do esporte é menor apenas que aquele oferecido pela educação. Sem dúvida vale a pena apoiar a iniciativa do Salvador e da Lemar.

Sistema de validação de NF-e volta a operar em Marabá

A Prefeitura de Marabá acaba de informar que a equipe técnica da Secretaria de Gestão Fazendária (Segfaz), conseguiu efetuar a troca dos equipamentos danificados e reinstalar o programa que garante a emissão e validação de Notas Fiscais Eletrônicas através do portal mantido pelo município na internet.
Os serviços estavam indisponíveis desde a última sexta-feira (2), por conta de pane nos servidores da Segfaz. Felizmente, o banco de dados do órgão estava em outro servidor e não foi comprometido.
Pela manhã, a Segfaz havia informado que o problema seria solucionado apenas amanhã, mas os técnicos conseguiram concluir os reparos antes do previsto.

COMUNICADO IMPORTANTE – Sistema de validação de NF volta a operar

A Secretaria de Gestão Fazendária – Segfaz, informa que desde a tarde desta terça-feira (6), o sistema de emissão e validação de Notas Fiscais Eletrônicas disponibilizado no Portal da Prefeitura de Marabá, voltou a operar normalmente.
Os serviços referidos acima foram suspensos em função de pane nos servidores que garantem acesso à internet, ocorrida na sexta-feira (2).
A Segfaz informa ainda que os bancos de dados mantidos pelo órgão não foram comprometidos e que a troca de equipamentos e a instalação dos softwares foram concluídas com sucesso.
A Segfaz lamenta eventuais transtornos e garante que está trabalhando para garantir ainda mais rapidez e eficiência nos serviços que presta.

Por conta de compra de AP em Miami, Associações de Magistrados questionam Joaquim Barbosa

No blog brasil247.com, hoje (6):
Associações de magistrado prometem deixar Joaquim Barbosa em saia justa com uma enquete ao Conselho Nacional de Justiça sobre a possibilidade de um juiz de primeiro grau ser diretor de empresa no exterior e usá-la para a aquisição de imóvel.
O presidente do Supremo Tribunal Federal criou a Assas JB Corp., na Flórida (EUA), para a aquisição de um imóvel em 2012, o que lhe permite benefícios fiscais. O apartamento estimado entre R$ 546 mil e R$ 1 milhão, tem 73 m².
"Acredito que um magistrado não pode ser diretor de empresa, e um ministro do Supremo é um magistrado. A Loman (Lei Orgânica da Magistratura) tem que valer para todos", disse Nino Toldo, presidente da Ajufe (Associação dos Juízes Federais do Brasil), à Folha.
Por ser ministro do STF, ele não está sujeito ao controle do CNJ. Mas a intenção é forçar a comparação para deixá-lo constrangido.
Além da Ajufe, devem assinar a consulta a AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros) e a Anamatra (Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho).
Em entrevista a "O Globo", o ministro afirmou que a reportagem foi uma "invasão brutal" da sua privacidade e que a aquisição foi feita "em conformidade com a lei norte-americana".

Ministro da Justiça diz à OAB que PF pode auxiliar apuração de crimes contra advogados no Pará

No site da Ordem dos Advogados do Brasil, hoje (6):
O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, se comprometeu nesta segunda-feira (05) a determinar que a Polícia Federal “auxilie” a Polícia do Estado do Pará nas investigações sobre o assassinato do advogado Jorge Pimentel, ocorrido em um bar em Tomé-Açu (PA), dia 2 de março último, e no combate a outros casos de violência contra advogados paraenses. Para isso, bastará solicitação da Secretaria de Segurança do Estado, com quem o superintendente da PF no Pará entrará em contato por ordem do ministro.
A informação foi transmitida pelo próprio ministro José Eduardo Cardozo ao presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Marcus Vinicius Furtado, e a uma comitiva de conselheiros federais da entidade, recebidos em audiência no Ministério da Justiça nesta segunda-feira para tratar da situação de violência contra advogados no Pará.

Pane em servidor impede emissão de Nota Fiscal Eletrônica em Marabá

Usuários que tentaram acessar a área do Portal da Prefeitura de Marabá que emite ou validar a Nota Fiscal Eletrônica, não conseguem realizar a operação desde a última sexta-feira (2).
O servidor que garante acesso à internet queimou e a equipe técnica da Segfaz vem trabalhando para solucionar o problema.
Segundo a Segfaz, os discos rígidos que armazenam o bando de dados, incluindo o cadastro de contribuintes, não foram atingidos.
A expectativa é que tudo volte ao normal nesta quarta-feira (7), a partir das 8h.
A Segfaz emitiu nota oficial nesta terça-feira (6), que segue abaixo.

Sem "trégua" para Dilma - Câmara Federal pode votar amanhã PEC do Orçamento Impositivo

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMBD-RN), afirmou nesta terça-feira (6), que pretende colocar em votação já nesta quarta-feira (7) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Orçamento impositivo. Alves disse que vai pessoalmente à comissão especial que trata do tema para fazer um apelo pela aprovação do parecer.
O Orçamento impositivo obriga o Planalto a pagar automaticamente as emendas parlamentares e é uma das promessas de campanha de Alves à presidência da Casa. O Governo Federal, que atualmente decide pela liberação e destinação dos valores, não quer nem ouvir falar nisso. "Espero que a comissão especial aprove hoje e, se isso acontecer, pretendo pautar (em Plenário) amanhã à noite a PEC", disse o presidente ao Estadão. "O Parlamento não pode se submeter a esse toma lá da cá, que não é bom para nenhum governo".
Alves manteve o item na pauta mesmo depois de a presidente Dilma Rousseff pedir uma "trégua" aos aliados, em reunião realizada nessa segunda-feira (5) com lideranças de partidos da base. O deputado articula uma tramitação acelerada para a matéria com o objetivo de que a proposta tenha validade já para o orçamento próximo ano. "Aprovando aqui (na Câmara), irei com os líderes entregar a proposta para o Senado, para que o Senado possa agilizar e (a PEC) valer já para o orçamento do próximo ano", concluiu.

Dois terços dos municípios do Pará não tem diagnóstico de Aids, alerta deputado

O deputado Edmilson Rodrigues (Psol), apresentou hoje (6), na Assembleia Legislativa, números preocupantes que apontam para o avanço da Aids no Pará. Mas, a coisa ainda pode piorar. É que, segundo o deputado, apenas 57 municípios do estado possuem Centro de Testagem e Aconselhamento -CTA.
Sem testes sendo aplicados, os números podem estar subestimados. Por outro lado, sem campanhas educativas aumenta o risco de novos casos de contaminação não apenas com Aids, mas também HPV, hepatites e sífilis.
Caso o Governo do Pará não retome imediatamente as campanhas educativas e ofereça aos municípios suporte para que mantenham em operação seus CTAs, poderemos ver aumentar nos próximos anos, de forma significativa, o número de soropositivos no Pará.
Mesmo o CTA de Marabá, um dos mais atuantes do Estado, não está imune aos problemas decorrentes da falta de material para trabalhar. Durante as ações do CTA no veraneio estava prevista a realização de testes rápidos para detectar hepatites. Mas, a Secretaria Estadual de Saúde - Sespa, responsável pelo fornecimento do material, não encaminhou os kits e com isso só foi possível oferecer aos usuários testes de HIV e VDRL.
Leia a seguir a íntegra do requerimento do deputado psolista.

"Se um novo contratado agrada o Ceni, tudo bem. Se não agrada, é minado", diz ex do São Paulo

O treinador Ney Franco, depois de ser derrubado por Rogério Ceni e uma péssima campanha à frente do São Paulo, resolveu abrir o verbo. Acaba expondo as vísceras da "Bambilândia" na matéria publicada hoje (6) em O Globo e repercutida no portal globo.com. Vejam aí um trecho da matéria.  
Um mês após ser demitido do São Paulo,Ney Franco resolveu falar. Ouviu, calado, várias críticas feitas por Rogério Ceni, ídolo da torcida, logo após a sua demissão. Em uma delas, o goleiro diz que o legado deixado pelo treinador foi “zero”. O arqueiro foi o principal alvo do comandante, que o acusa de ter extrapolado os limites fora de campo e minado contratações que não o agradem, como as de Paulo Henrique Ganso e Lúcio.
Em entrevista ao jornal O Globo, Ney Franco afirmou que Ceni não teve a postura de capitão que esperava. A relação entre eles começou a ficar ruim durante um jogo pela Copa Sul-Americana entre São Paulo e LDU de Loja, do Equador, em outubro de 2012. Na partida, o goleiro reprovou uma substituição feita pelo treinador, que colocou Willian José, enquanto o arqueiro pedia insistentemente pela entrada de Cícero. Após o jogo, Ney foi firme e reprovou a atitude. O fato, segundo o comandante, ainda deve incomodar o camisa 1.

Ministério da Educação abre inscrições ao Sisutec. Inscreva-se aqui.

O Ministério da Educação abriu nesta terça-feira (6) as inscrições para o Sistema de Seleção Unificada para Cursos Técnicos, o Sisutec. São quase 240 mil vagas para cursos técnicos e profissionalizantes no segundo semestre deste ano. Os estudantes que fizeram o Enem do ano passado podem participar. 85% das vagas são destinadas a alunos que cursaram o ensino médio em escolas públicas ou particulares sendo bolsistas integrais.
A inscrição vai até o dia 12 de agosto e deve ser feita pela internet. Acesse o site por aqui.

Alter do Chão transformada em depósito de lixo, diz blog

Não sei quanto a vocês, mas fico absolutamente irritado quando vejo o acúmulo de lixo em praias, praças e ruas. Infelizmente, a deseducação de usuários e lerdeza dos serviços públicos de coleta de lixo não são exclusividade de Marabá. Vejam o que foi publicado hoje no blog Quarto Poder, sobre a degradação ambiental na praia de Alter do Chão, em Santarém, uma das mais lindas do Pará. Enquanto anida discute-se a formulação de uma política nacional para tratamentos de resíduos sólidos, é fundamental que governos e população reconheçam a gravidade do problema. Aos governos cabe garantir a coleta; aos usuários, entender que cada um é responsável pelo lixo que produz. Leiam a seguir trecho do post. A íntegra está no link acima.

"Conforme relato de moradores, não são apenas os atos de vandalismos praticados por jovens abastados e empresários que causam prejuízos às praias de Alter do Chão. Segundo os comunitários, a situação é muito mais crítica, pois demonstra a falta de educação e consciência das pessoas com o meio ambiente. Fotos enviadas à redação deste blog mostram que os banhistas depositam nas areias todo o lixo produzido por eles durante suas farras nas praias da vila. As pessoas não recolhem os materiais nocivos à natureza e amontoam nos pés das árvores e também às margens do rio, toda sujeira, principalmente garrafas pets, sacolas plásticas e restos de comida. As imagens mostram, de maneira gritante, esses abusos."

Dilma erra ao falar em priorizar enfrentamento à violência contra "jovens negros".

Vejam lá o que diz a Agência Brasil, hoje (6), falando sobre a solenidade de sanção do Estatuto da Juventude. Comento logo depois:
"Durante a sanção do Estatuto da Juventude, que estabelece direitos para jovens entre 15 e 29 anos, a presidente Dilma Rousseff disse que o enfrentamento da violência contra jovens negros será umas das prioridades na implementação do projeto. “Temos de construir, dentro desse novo estatuto, as trincheiras para lutar contra a questão da violência indiscriminada contra jovens negros e pobres”, disse em discurso durante a cerimônia de assinatura nesta segunda-feira (5).
“Eu considero que esse é o nosso tema prioritário, e quero que seja o centro da questão nesse universo que abrange a juventude do país, que corta todo o país, e está em todas as periferias, em todas as regiões”, acrescentou.
A presidente classificou a violência contra jovens negros da periferia como a “manifestação mais forte da desigualdade” no Brasil. “Ela mostra um lado da nossa sociedade com o qual não podemos conviver pacificamente. É o ato mais perverso”, avaliou. Antes do discurso, a presidente recebeu de um grupo de artistas e ativistas do movimento negro uma carta com reivindicações da população jovem das periferias brasileiras.

Comento:
Não assisti ao vivo a solenidade presidida por Dilma. Tendo realmente falado o que a Agência Brasil disse que falou, então deveria ter pensado melhor.
O problema não é enfrentar a violência contra "jovem negro". O busílis é enfrentar a violência. Ponto final.
É esta violência que vitima, em sua maioria, jovens pobres - independente da tez.
Basta ver o Mapa da Violência. As manchas criminais crescem em bairros da periferia das grandes cidades, vitimando homens, de 16 a 24 anos, sem ocupação definida ou subempregados.
Desde as condições precárias de moradia - envolvendo aí iluminação pública, saneamento e asfalto - educação e lazer, tudo colabora para que os mais pobres sejam as maiores vítimas - e algozes na guerra civil não-declarada que vivemos nas grandes e médias cidades do País. Esta realidade não é estabelecida a partir de parâmetros "étnicos". Esta realidade é estabelecida a partir de parâmetros socioeconômicos   
Nada é mais estúpido que criar esta clivagem entre "raças". Já disse aqui no blog, lembrando Nelson Rodrigues, que, para o mal ou para o bem, formamos a maior raça de vira-latas do planeta. Somos frutos da miscigenação e tentar estabelecer um discurso "de raça" é bobagem.
A verdadeira luta precisa ser contra a violência, esteja ela revestida de branco, preto ou azul.
Antes que esqueça: por incrível que pareça, Dilma acabou tratando a todos de forma igual, ao vetar o artigo que previa o direito à meia passagem em ônibus interestaduais a jovens estudantes. Negros ou não, todos tiveram negado o direito à tarifa especial. 

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Sisutec - Governo oferece 240 mil vagas para cursos técnicos

O Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) vai oferecer 239.792 vagas gratuitas em cursos técnicos. As inscrições estarão abertas de amanhã (6) a 12 de agosto. A seleção dos alunos será feita de acordo com a nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Nessa seleção será usada a nota do Enem 2012. O Sisutec foi lançado hoje (5) pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante.
Segundo o site da EBC, os candidatos às vagas devem ter concluído o ensino médio. Do total de vagas, 85% são destinadas aos candidatos que cursaram o ensino médio na rede pública ou na rede privada na condição de bolsista integral. As vagas são ofertadas em instituições da rede publica, privada e do Sistema S. Os cursos tem de um a dois anos de duração, com carga horária entre 800 e 1.200 horas-aula. A partir deste mês haverá o início dos cursos, de acordo com o Ministério da Educação.

California Pub inaugura dia 24 de agosto

O grande amigo Murilo Nogueira, do ótimo site Badalado.net promove a inauguração do California Pub, na Marechal Deodoro, Marabá Pioneira. O evento acontece dia 24 de agosto.
Durante a festa inteira open bar com uísque, tequila, cerveja, água e refrigerante para os convidados. 
Animando a noite, Denner Ferrari, aquele de "As mina pira", além de participações especialíssimas de Edgar Oliveira, Duanni, Ruanna Ly, Beto Lima e Renato Sandio.
A Marabá Pioneira, com a sua orla agitadíssima, ganha assim mais um espaço de diversão para a turma que curte a noite às margens do Tocantins.
Ao que tudo indica, a produção será caprichada e quem já visitou o espaço afirma que vale a pena conferir.

Com FAP e FAX, a temporada das grandes feiras agropecuárias continua

Depois da Expoama, em Marabá, no final de agosto e início de setembro ocorrem grandes feiras agropecuárias na região do Carajás.
Além de movimentar alguns milhões de reais na compra e venda de gado, insumos e equipamentos pesados, as feiras permitem que os fãs da música sertaneja vejam seus ídolos de perto.
De 31 de agosto a 7 de setembro ocorre a FAP em Parauapebas. Entre as atrações confirmadas está a dupla Fernando e Sorocaba, na abertura do evento, dia 31. Além disso, Viviane Batidão e Lucas Lucco também devem se apresentar no Pebinha de Açúcar.
Peões e peoas terão pouco tempo para descansar. Já no dia 14 de setembro começa a FAX, em Xinguara. Na abertura da feira, show de Teodoro e Sampaio; no dia 19, tem a dupla Vítor e Léo e no dia 21, será a vez de Cristiano Araújo.
Em todas elas rodeios e leilões estão programados.
Então, o negócio é dar brilho na fivela e na bota, ajustar o chapéu na cabeça e se preparar para as fortes emoções que vêm por aí.

SEAGRI realiza Feira do Peixe em São Miguel da Conquista e Bela Vista


A Prefeitura de Marabá, através da Secretaria Municipal de Agricultura – SEAGRI, realiza nesta terça e quarta-feira (6 e 7), mais uma Feira Itinerante do Peixe nos bairros São Miguel da Conquista e Bela Vista. A Feira vai oferecer pescado de boa qualidade a preços acessíveis à população de baixa renda.
Na terça-feira (6), a Feira do Peixe acontece no bairro São Miguel da Conquista, na Avenida Minas Gerais com a Rua Sete, a partir das 7h.
Na quarta-feira (7), quem recebe a Feira é o bairro Bela Vista. O pescado será posto à venda na Rua VS 2, ao lado do Centro de Referência de Assistência Social – CRAS, também a partir das 7h.
Seguindo orientação do prefeito João Salame, as feiras itinerantes continuarão a ser realizadas na periferia de Marabá. “Incentivar o consumo de pescado e possibilitar àqueles com menor poder aquisitivo o acesso a este produto é fundamental para garantir alimentação saudável à população e, ao mesmo tempo, incrementar a renda dos nossos piscicultores”, afirma Jorge Bichara, titular da SEAGRI.

PROCOM/Marabá fiscaliza bares e restaurantes durante fim de semana


No Portal da Prefeitura de Marabá, hoje (5):
O PROCON/Marabá vem intensificando a fiscalização sobre diversas atividades econômicas em toda a cidade. Neste primeiro fim de semana de agosto, foi a vez de bares, restaurantes, casas noturnas e barracas que vendem alimentos nos balneários de Marabá receberam a visita dos fiscais do órgão. A ação aconteceu nos núcleos Marabá Pioneira e Nova Marabá, se estendendo também às praias do Geladinho e Tucunaré.
A equipe de fiscalização priorizou as áreas com maior número de denúncias por parte de clientes. A maior reclamação diz respeito à obrigatoriedade do pagamento dos 10% de gorjeta, que alguns estabelecimentos chegam a incluir na conta – o que é proibido. Outra reclamação diz respeito à cobrança do chamado couvert artístico. Bares e restaurantes não podem cobrar essa taxa sem informar previamente ao consumidor.

Para divulgar FAP 2013, Siproduz realiza blitz em Parauapebas

Já começou a contagem regressiva para a Feira de Agronegócios de Parauapebas (FAP), uma das maiores da região do Carajás. Neste sábado (03), o Sindicato dos Produtores Rurais de Parauapebas (SIPRODUZ), que promove o evento, realizou blitz em um dos cruzamentos mais movimentados da cidade para divulgar a Grande Cavalgada da FAP 2013 que acontece dia 24 de agosto, uma semana antes da abertura oficial da Feira de Agronegócios de Parauapebas.
Este ano a FAP terá como tema União, força e trabalho: o agronegócio unido forças para gerar desenvolvimento. A ideia é valorizar a interação entre campo e cidade, unindo pequenos, médios e grandes produtores. E para aqueles que gostam de formar suas comitivas para participar da cavalgada, a organização da FAP informa que o cadastramento já começou. Para obter melhores informações basta entrar em contato com Fabrício Abrahão, através do número (94) 9132-6692.

domingo, 4 de agosto de 2013

Praias do Lençol e Espírito Santo - Potencial turístico não falta para Marabá. Curtam as fotos.


Gosto cada vez mais de Marabá. Isso é fato. Gosto mesmo quando vejo o tamanho do desafio que é viver em uma cidade que, por anos a fio, abriu mão de ordenar seu crescimento. O inchaço urbano cobra um preço alto para quem escolhe viver e produzir aqui. Sobre a gestão das cidades, Jaime Lerner chegou a afirmar que cada ano que uma decisão estratégica é postergada gera dez anos de atraso.
Poderia falar isso para discutir a ocupação desordenada do solo urbano ou a crise na Saúde, ou ainda, a questão da mobilidade e acessibilidade urbanas. Mas, considerando o Verão, falo aqui do potencial turístico ainda inexplorado em Marabá.
Vértice de dois rios maravilhosos, com floresta e campos a margeá-los, Marabá teria - e tem - tudo para se tornar destino turístico de grande porte.
Poucos dias atrás, estive na Praia do Lençol, um pedaço rico em beleza às margens do Tocantins. Ali a estrutura é precária, mas os próprios campistas - sim, acampa-se na praia tal qual no Araguaia, bem mais badalado - tratam de recolher seu lixo e manter limpa a praia.
O resultado é quase idílico.
As corredeiras - formadas pela passagem acelerada das águas por entre o pedral no leito do rio - são belas de se ver e o ar parece trazer o cheiro da mata ciliar. Um verdadeiro bálsamo. Potencial enorme para a exploração comercial de forma racional e ecologicamente sustentável.
A tranquilidade e beleza da Praia do Lençol - além das praias do Espírito Santo, Sossego, do Amor, Bacabal e outras tantas - contrasta fortemente com a avalanche humana que, de forma desordenada, ocupa praias como Tucunaré e Geladinho nos meses do veraneio.
Está aí mais um grande desafio para a gestão de João Salame: tornar o potencial turístico deste pedaço abençoado do Estado do Carajás em algo mais que... potencial.
Por enquanto, curtam aí algumas imagens especiais das praias do Espírito Santo e do Lençol, lugares que fazem de Marabá uma joia de rara - raríssima - beleza. Todas as fotos são de do ótimo Hélder Messiahs e estão publicadas no Portal da Prefeitura de Marabá.

CTA de Marabá realiza ação de combate à Aids e outras DSTs. Parabéns!

Qualquer um que fale ou escreva sobre Saúde Pública no Brasil e não comece afirmando a situação de indigência, na qual se encontra o setor, merece ser devidamente ignorado. A coisa toda é caótica, cheia de vícios corporativos e meandros burocráticos, feitos para emperrar o serviço. Isso tudo - e muito mais - é verdade e atinge a todos nós de forma brutal.
Mas, exatamente por conta das mazelas descritas acima, é preciso dar relevo às ações positivas praticadas por inúmeros profissionais da Saúde.
Hoje, na Praia do Tucunaré, acompanhei a atuação do Centro de Testagem e Aconselhamento - CTA, órgão da Secretaria Municipal de Saúde, que pode ser considerado a linha de frente contra o avanço das doenças sexualmente transmissíveis.
Foram feitos 70 testes para HIV/AIDS e VDRL. De forma rápida, anônima e com exatidão, quem procurava as técnicas do CTA era atendido e, em pouco mais de 15 minutos já conhecia o resultado. Felizmente, nenhum foi positivo.
Mas, nem sempre é assim.
Conversando com Leyliane Feitosa, bioquímica do CTA, percebi a preocupação com o avanço de doenças como Aids, sífilis e hepatites, principalmente entre mulheres, inclusive grávidas, e jovens. O descuido e alta rotatividade de parceiros são fatores que aumentam os riscos de contrair essas doenças. Está claro que é preciso retomar as campanhas de alerta contra essas doenças.
Descobri que o CTA, além de fazer os testes e encaminhar os pacientes ao tratamento, também age de forma educativa. É o caso de diretores de escola, presidentes de associações, sindicatos e centros sociais de Marabá, tratarem de demandar ao CTA palestras, distribuição de preservativos e realização de testes, ações que o Centro está preparado para fazer .
O avanço da medicina em relação à cura dessas doenças fez arrefecer o ímpeto das campanhas educativas. É bom que se diga: ATÉ AGORA AIDS NÃO TEM CURA. Pode-se, no máximo, conviver com ela e com graves sequelas. A MELHOR ATITUDE É A PREVENÇÃO.
De toda sorte, parabéns à equipe da dra. Leyliane. Vendo cada usuário sorrir após saber que não tem qualquer dessas doenças, é fácil perceber a importância do trabalho desenvolvido por este setor - entre outros. Ações positivas e eficazes como essas, fazem a gente ainda ter esperança que, um dia, a Saúde Pública neste país seja digna dos brasileiros.

Alô, alô, SEMMA! Queimadas acontecem no centro de Marabá!


Agosto mal começou e o inferno das queimadas já ameaça causar os prejuízos ambientais de sempre.
Na tarde deste domingo (4), em Marabá, dois focos de incêndios na área urbana exigiram a ação do Corpo de Bombeiros.
O primeiro deles, na Folha 33, foi rapidamente contido. Os bombeiros providenciaram um aceiro para impedir que o fogo se alastrasse e alcançasse as poucas residências existentes nas imediações.
O outro foco, porém, até este momento - cerca de 17h30 - ainda avançava. O incêndio, na estrada de acesso à Marabá Pioneira, ameaçava atingir o bambuzal que margeia a via.