E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Em Parauapebas, começa julgamento de um dos assassinos de Ana Karina

Começou na manhã desta quinta-feira (21), em Parauapebas, o julgamento de um dos acusados pelo assassinato de Ana Karina, ocorrido em maio de 2010. Florentino Rodrigues, o Minêgo, é acusado de participação no homicídio e ocultação do cadáver da jovem, que estava grávida na ocasião.
O réu é o primeiro dos quatro suspeitos de participação no crime que até o momento, não teve o corpo da vítima encontrado, uma das principais dificuldades que devem ser encontradas por defesa e acusação.
Além de Florentino, devem ir a júri, ainda sem data marcada, Alessandro Camilo de Lima, o Macarrão, amante de Ana Karina; Graziela Barros Almeida, noiva de Camilo; Francisco de Assis Dias, o Magrão acusado de ser o pistoleiro que executou a comerciária; e Pedro Ribeiro Lordeiro.
O julgamento deve seguir durante todo o dia de hoje quando testemunhas serão ouvidas, o réu será interrogado e defesa e acusação apresentarão seus argumentos. Somente depois disso o Conselho de Sentença decidirá pela culpa ou inocência do réu que terá sua pena fixada pelo Juiz Líbio Moura.
Ana Karina, de 29 anos, foi morta no dia 10 de maio de 2010, grávida de 9 meses. Alexandre Camilo, o pai do filho que a comerciante esperava, confessou o crime.
De acordo com as investigações da polícia, o corpo foi esquartejado e em seguida foi jogado em um tambor carregado com pedras no rio Itacaiúnas, desaparecendo sem deixar vestígios. Acima, com arte do Blog do Zé Dudu, réus, vítima e o juiz que preside o julgamento.