E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

"O mundo vai acabar amanhã", diz profeta piauiense


O fim do mundo está previsto para as 16h desta sexta-feira, dia 12 de outubro, feriado nacional. É o que está pregando um "profeta" de Teresina (PI) que abriga mais de 100 pessoas na vila Parque Universitário, zona leste da capital piauiense. Ele orientou as pessoas a saírem do emprego, se desfazerem dos seus bens e tirar os filhos da escola. A Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente e o Conselho Tutelar acionaram a Justiça temendo "suicídio coletivo".Os seguidores do "profeta" se concentram em duas casas no Parque Universitário, numa das áreas mais pobres da cidade, e batizaram o local de "barca". Hoje, véspera do feriado, os seguidores fazem orações e permanecem no local aguardando o fim do mundo.
O "profeta" Luis Pereira dos Santos, 43 anos, ex-zelador e ex-católico, diz que há quatro anos recebeu mensagem de um anjo avisando que o mundo iria acabar no dia 12 de outubro. Segundo ele, de lá pra cá, se desfez do carro, moto, bens e tem acolhido em sua residência moradores de rua, prostitutas, traficantes e criminosos.
"Recebi a mensagem de ser pastor de ovelhas perdidas. Sou advogado de Cristo. A partir de amanhã seguirão de noites de trevas, pois a besta sairá do abismo e o mundo vai se acabar", disse Luis Santos.
No mês passado, ele foi detido pela Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescentes acusado de proibir as crianças de irem para a escola. Dos 113 seguidores do profeta, 19 são crianças.
Ele argumenta que o fim do mundo está previsto nas "escrituras" e que Jesus enviou anjos aos quatro cantos para salvar pessoas. Luis Santos disse que não teme a polícia e que até Jesus foi perseguido na terra. "As pessoas me chamam de louco, até minha mulher me abandonou, mas tenho certeza que vai ter choro e ranger de dentes e os bons vão sumir', afirmou.
Suicídio coletivo
O temor da polícia é de que o profeta distribua algum tipo de veneno para os seguidores. Questionado, ele nega e disse que não haverá suicídio coletivo. "Eu tiro é as pessoas da morte, e como vou dar a morte para elas?", indaga Luis Santos.
O conselheiro tutelar José Welton Melo Soares, que coordena a região leste e sudeste, informou que o profeta está respondendo por crime de abandono intelectual e aliciamento de menores. "Recebemos também denúncia de casamento entre adolescentes e estamos investigando", disse o conselheiro.
A juíza da 1ª vara da Infância e da Adolescência, Maria Luíza de Moura Mello e Freitas, determinou nesta quinta-feira a retirada das 19 crianças e adolescentes que estão vivendo na residência do "profeta". O pedido foi protocolado pela delegada de proteção a Criança e do Adolescente, Andrea Magalhães.
A juíza Maria Luiza disse que a busca e apreensão é para assegurar que nada aconteça com as crianças. "Recebemos informações de que o suicídio coletivo ou assassinato pode acontecer usando uma sopa que alimenta os seguidores", disse a juíza.
Maria Luiza disse que a liminar não atinge as pessoas maiores de idade, já que elas estão lá por livre e espontânea vontade. A polícia está reunida para definir a retirada das crianças e o local onde serão encaminhadas. Veja mais fotos.