E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

No Pará, Águia perde e luta para não cair. Remo protesta e luta por democracia.

Infelizmente o brioso Águia de Marabá não conseguiu evitar a derrota para o Treze-PB, por 4 a 0, na tarde deste domingo (21), no Estádio Amigão, em Campina Grande e acabou indo parar na zona de rebaixamento do Grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C. Agora, no Azulão é o nono colocado com 19 pontos e precisa vencer o Santa Cruz-PE, na última rodada no Estádio Zinho Oliveira, em Marabá, para escapar da degola.O time do técnico João Galvão, não conseguiu vencer nenhuma partida fora de casa na Série C. O resultado deixou o Treze em sexto lugar com os mesmos 19 pontos do Águia, mas o time marabaense está muito atrás em número de vitórias, primeiro critério de desempate.
Aquela Coisa Feia lá de Belém conseguiu, não se sabe como, vencer o Salgueiro. Agora, os seus iludidos torcedores acham que a farandola vestida de pijamas pode classificar-se para a próxima fase da Série C. Enfrentando o Icasa, em Juazeiro do Norte precisa de um empate. Com certeza, jogarão como nunca e perderão como sempre, dando adeus ao Campeonato Brasileiro.
Enquanto isso, a carreata das Diretas Já organizada pelo movimento Remocracia reuniu mais de mil torcedores, que viram frustrados seus planos ao final. A coordenação da caminhada planejava entregar abaixo-assinado a um grupo de conselheiros favoráveis às diretas, mas ao chegar a sede do clube os portões estavam trancados e não havia conselheiro algum. Alguns torcedores forçaram o portão de ferro e a comitiva entrou na sede para protestar, encontrando apenas sócios antigos.
Os participantes da carreata decidiram retornar no hoje (22) para fazer a entrega do abaixo-assinado na reunião desta segunda. “Vamos apresentá-lo aos conselheiros durante a reunião do conselho deliberativo. Toda imprensa estará presente, eles vão ser obrigados a aparecer”, afirmou Anaisse.