E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Vigia de Nazaré (PA) realiza neste domingo seu 369º Círio de Nazaré


A cidade de Vigia realiza neste domingo (09) o Círio de Nossa Senhora de Nazaré do município. A manifestação, que começou a ser realizada a partir de 1616, é a procissão religiosa mais antiga do Pará e, desde 2009, é considerado patrimônio cultural imaterial do estado. A expectativa da organização é que mais de 200 mil pessoas acompanhem o cortejo que vai da capela de São Sebastião, no bairro de Arapiranga, e segue até a Igreja Matriz.“Vigia já está vivendo o clima da festividade. A cidade está cheia de romeiros”, afirma Adelina Almeida, coordenadora do evento. Ela nos apresenta o tema da procissão desse ano - como Jesus e Maria somos amados pelo Pai - e nos explica seu significado. “Deus amou a Jesus como seu filho e a Maria como a mulher que Ele escolheu para ser a mãe do seu filho. Mas todos nós recebemos o amor do Senhor e neste ponto somos iguais a eles”.
A programação começa com uma missa às 7h na igreja de São Sebastião. Após a missa haverá a apresentação da soprano Luciana Tavares com o pianista Paulo José Campos de Melo, interpretando canções marianas.
A procissão está prevista para começar a partir das 8:30h e se encerrar próximo do meio dia na Igreja Matriz, onde será celebrada missa por Dom Carlos Verzelletti, bispo da Diocese de Castanhal. Durante o período de festividades da quinzena mariana estão programadas apresentações musicais todas as noites em um palco montado em frente à Igreja Matriz.
O município de Vigia, localizado a 93 quilômetros de Belém, celebra em todo domingo de setembro o círio de Nossa Senhora de Nazaré. A procissão se iniciou em 1616, oitenta e quatro antes do Círio de Belém. Segundo relatos, o caboclo Plácido - que crônica nazarena afirma ser vigiense - teria se inspirado no Círio de Vigia para instituir o evento de Belém.