E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

sábado, 21 de julho de 2012

Serra, com mais de 35% de rejeição, é alcançado por Russomano em SP e nem Lula ajuda Haddad, diz Datafolha

O Datafolha divulgou, neste sábado (21), pesquisa de intenção de voto sobre a disputa pela Prefeitura de São Paulo. E o resultado não poderia ser pior para o tucano José Serra. Além de ver mantido seu alto índice de rejeição em 37% (pesquiseiros concordam que qualquer número acima de 35% de rejeição é preocupante), vê Celso Russomano (PRB) diminuir a distância para quatro pontos percentuais, dentro da margem de erro da aferição, o que configura empate técnico. Agora, Serra tem 30%, contra 26% de Russomano.
As esperanças do tucano é garantir presença no segundo turno usando o tempo da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV a partir de agosto. Enquanto isso, Fernando Haddad, com 7%, segue em sua via crucis, com índices sempre na casa de um dígito. Nem a força de Lula parece capaz de mover para frente a candidatura do moço.
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S.Paulo".Veja os números da pesquisa estimulada:
José Serra (PSDB) - 30% das intenções de voto
Celso Russomanno (PRB) - 26%
Fernando Haddad (PT) - 7%
Soninha (PPS) - 7%
Gabriel Chalita (PMDB) - 6%
Paulino da Força (PDT) - 5%
Ana Luiza (PSTU) - 1%
Carlos Giannazi (PSOL) - 1%
Levy Fidelix (PRTB) - 1%
Miguel (PPL) - Não pontuou
Eymael (PSDC) - Não pontuou
Anaí Caproni (PCO) - Não pontuou
Em branco ou nulo - 11%
Não sabe - 6%
No levantamento, Serra e Russomano aparecem em empate técnico, já que margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais. O levantamento foi realizado entre quinta-feira (19) e sexta-feira (20). Foram entrevistadas 1.075 pessoas. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral com o número SP-00110/2012.
Quando os entrevistados foram perguntados em relação a qual candidato não votariam, Serra foi o mais citado. O tucano tem índice de rejeição de 37%. Paulinho da Força aparece em segundo, com 21% de rejeição. Na sequência são citados Soninha (19%), Eymael (17%), Levy Fidelix (14%), Russomanno (12%), Haddad (12%), Miguel (9%), Ana Luiza (8%), Anaí Caproni (8%), Gabriel Chalita (8%) e Carlos Gianazzi (6%).