E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Mesmo depois de ganhar Maluf e o PCdoB, Haddad cai dois pontos em SP, diz Datafolha. Serra segue líder.

Às vésperas do final do prazo legal para a realização das convenções partidárias o Datafolha divulga mais uma pesquisa sobre as intenções de voto para prefeito de S.Paulo e apesar das intensas movimentações de Lula e do PT, o ponteiro não se mexeu. Serra, com 31% continua liderando com ampla vantagem sobre Celso Russomano (PRB), que tem 24%; o candidato do PT, Fernando Haddad (PT), que antes tinha 8%, agora aparece 6%, variando para baixo dentro da margem de erro.
A pesquisa divulgada nesta quarta-feira (27) e foi encomendada pelo jornal “Folha de S. Paulo”.
No cenário pesquisado, o resultado foi:
José Serra (PSDB): 31% das intenções de voto
Celso Russomanno (PRB): 24%
Soninha Francine (PPS): 6%
Fernando Haddad (PT): 6%
Netinho de Paula (PC do B): 6%
Gabriel Chalita (PMDB): 6%
Paulinho da Força (PDT): 3%
Carlos Giannazi (PSOL): 1%
Branco/nulo: 11%
Não sabe/não respondeu: 5%
Os demais pré-candidatos não pontuaram.
A pesquisa foi realizada entre os dias 25 e 26. Foram entrevistadas 1.081 pessoas na cidade de São Paulo. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa está registrada no TRE com o número SP-87/2012.
Ao que tudo indica nem Lula é capaz de fazer decolar o pesadíssimo Haddad. O ex-presidente e padrinho da candidatura do ex-ministro da Educação, foi à luta. Desarticulou a candidatura de Marta Suplicy, garantiu o PSB na chapa, atraiu o PP de Paulo Maluf e implodiu a candidatura de Netinho de Paulo (PCdoB). Mesmo assim Haddad não sai do lugar. Talvez esteja na hora de Lula reconhecer que São Paulo, definitivamente, não o curte, nem ao seu garoto...