E como os brados no Mundo podem tanto, bem é que
bradem alguma vez os pregadores, bem é que gritem
Pe. Antonio Vieira

terça-feira, 8 de maio de 2012

Jatene tenta aprovar novamente PPPs no Pará. Oposição é contra

Está programado para voltar a pauta de hoje (8), na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa), o projeto de Jatene que institui a Parceria Público-Privada (PPP) na administração pública estadual do Pará. Apesar dos deputados da base aliada ao governo se dizerem preparados para votar o projeto, a oposição é contra e busca alterar a lei enviada pelo Executivo estadual, em dezembro de 2011, que vem sofrendo sucessivos adiamentos.
O projeto original previa que obras e serviços públicos deveriam ser realizados em parceria com empresas privadas em quase todas as áreas, incluindo esgoto e saneamento, educação, saúde e pavimentação. A oposição quer assegurar a exclusão dos serviços de abastecimento de água. Este, aliás, é o aspecto mais criticado da matéria. Tanto que o Sindicato dos Urbanitários do Pará promete fazer muito barulho à porta da AL hoje pela manhã, a fim de impedir a votação do projeto.
O governo diz que o que será posto em pauta será o substitutivo apresentado pelo deputado Raimundo Santos (PR) que, segundo o líder do governo na casa, Márcio Miranda (DEM), é semelhante à Lei Federal das PPPs, que instituiu a parceria com empresas privadas nas obras da copa do mundo de 2014. (Com informações do Diário do Pará)